IMPORTANTE
Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Assim, consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação. Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.

Síndrome do Braço Curto, Vista Cansada ou, ainda, Presbiopia. Esse problema de visão é caracterizado pela dificuldade de enxergar de perto. Assim, quando a visão para perto fica prejudicada, de forma automática, afastamos o objeto de leitura, esticando o braço para frente. Dessa forma, ao tentar ler o jornal, um livro, na tela computador ou a mensagem do celular, por exemplo, é preciso deixar longe o objeto para ter nitidez na leitura.

Assim, na hora da leitura, por exemplo, as letras pequenas começam a ficar desfocadas. Essa sensação de vista embaçada resulta da perda natural da elasticidade do Cristalino (lente interna dos olhos). Ele é responsável por focar diferentes comprimentos da visão. Porém, com a prática regular e correta dos exercícios, é possível trabalhar a flexibilização do Cristalino. E dessa forma, isso pode combater as causas da Presbiopia ou Síndrome do Braço Curto!

Assim, podemos melhorar a Presbiopia com exercícios que estimulam a musculatura ao redor dos olhos e a convergência (cruzar os olhos, ou o popular ficar “vesgo”). Antes de praticá-lo faça o Palming e a automassagem facial.

Síndrome do Braço Curto: exercícios podem melhorar a Vista Cansada

Você já deve ter ouvido várias vezes essa frase: “Com a idade, a vista fica cansada e a gente começa a enxergar mal de perto!”. Na verdade, essa sensação de visão embaçada resulta da perda natural da elasticidade do cristalino (lente interna dos olhos). Porém, não tem a ver, necessariamente, com a idade. Isso porque o que acontece é que se você não exercitá-los, os músculos dos olhos, entre eles, cristalino e pupila, com o tempo vão ficar fracos.

Presbiopia X Hipermetropia

As causas desses dois distúrbios visuais — que resultam na dificuldade em visualizar objetos próximos dos olhos — diferem entre si. Assim, caso você não pratique os exercícios corretos, a Presbiopia surge na segunda metade da vida, como consequência do envelhecimento natural dos olhos. Já a Hipermetropia — diferente das causas da Presbiopia — surge por conta de uma alteração anatômica específica. Dessa forma, esse tipo de problema visual é causado por má formação do globo ocular. O olho tem um comprimento menor ou a córnea possui uma curvatura mais plana do que o normal.

Causa emocional: falta de foco
Na parte emocional, a Presbiopia pode representar falta de foco no período atual da vida. Assim, não é coincidência que na fase dos 40 aos 45 anos a gente comece a questionar o que foi feito até agora e qual é a verdadeira missão de nossa vida. Por isso, é tão importante trazer novamente o foco para a visão de quem tem Vista Cansada.

IMPORTANTE

Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação.Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.